Artes e acabamentos


Tenho um encantamento pelos ambientes claros e iluminados. As sugestões de Provence com seus brancos românticos e a natureza colorida dão um charme especial na decoração e remetem ao descanso do corpo e ao resgate de nossa paz interior.

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

CABECEIRA DE CAMA RENOVADA

Adoro essas histórias. Não são novidade e são sempre carregadas de emoções semelhantes. A cliente chega com a peça na mão e pergunta - E´possível....? Achei essa cabeceira no lixo, na rua, com moldura escura e a quero nova e clara!! Sim, é possível! Ela chegou com plásticos sobre o captoné e verniz na madeira.
 Removi a moldura do estofado e trabalhei só com a madeira. Retirei  todo o verniz, restaurei a madeira onde foi necessário.Apliquei 3 demãos de tinta a base de água metalatex na cor bianco sereno e desgastei de forma irregular somente as bordas da madeira. Usei um estilete para isso. Depois de tudo pronto passei uma suave camada de cera em pasta para madeira.
 Detalhes das quinas desgastadas.
 Peça finalizada.

 Uma simulação da cabeceira na cama. Na verdade essa peça será presa na parede fazendo conjunto com uma cama-box e vai ficar muito melhor que essa simulação!
Essa é a cera em pasta que uso.


quinta-feira, 7 de julho de 2016

CADEIRA EM PROVENÇAL COM ASSENTO NOVO




As cadeiras já chegaram na cor branca  mas não exatamente como eu precisava. Algumas peças tinham a madeira destruida por cachorro, perfurada, bastante danificada mesmo. Até as junções entre uma emenda e outra da madeira tinham massa mal finalizada. Nesses pontos apliquei massa e lixei para facear todas as superfícies da madeira. 
 Aqui como as cadeiras estavam originalmente. São 4 cadeiras, com 2 designs diferentes que vão compor na mesma mesa de jantar. 
 Aqui como essa peça chegou em branco brilhante fechado. Lixei  todas as peças  mais fortemente, deixando aparecer parte da madeira. Usei lixadeira e lixas manualmente.
 Depois de lixadas e limpas apliquei verniz de álcool. Optei por esse verniz porque é o único que conheço que não deixa o branco amarelado. Acetinei a após ao verniz seco com lixa 220.
 Aqui dá para observar a correção da junção das madeiras da peça.
 Dos acentos retirei 3 outras coberturas velhas de tecido que já tinham sido sobrepostas. Deixei tudo na espuma. Apliquei o novo tecido  com o grampeador grande. Tomei todo o cuidado para que todas as almofadas ficassem com o desenho no mesmo quadrante da estampa. Esse tecido é especial pois é totalmente impermeável. Apliquei um tecido comum na parte debaixo para dar um bom acabamento.
 Frente e verso  de 2 cadeiras já prontas para receber as almofadas.

Aqui as 4 peças já prontas. Os acentos foram parafusados na base. Sob cada pé um feltro para proteção. Finalizei a madeira com cera em pasta incolor e lustrei.




domingo, 27 de março de 2016

ABAJUR BRANCO E CÚPULA FLORIDA

Reaproveitei uma cúpula já toda velhinha com esse floral delicado de algodão. Fiz um molde com papel e depois comprei o tecido necessário. Colei as bordas superiores e inferiores, por dentro, com cola quente e antes disso a união dos tecidos sobre a cúpula, fiz com cola branca, pva.
O pé do abajur comprei AQUI em madeira crua, apliquei 3 demãos de branco (qualquer tinta branca, o mdf não mancha, fica fácil!) e desgastei, facílimo não?!! 

Que tal dar carinha nova para um abajur seu, pelo menos trocando a cor da cúpula, ou mudando o tom do pé!!?



terça-feira, 22 de março de 2016

ÁRMARIO DE PAREDE - transformação


Armário comum, desses de cozinha com acabamento naquelas folhas sintéticas com aparência de madeira transformado em branco.
 Esse tipo de material liso precisa ser lixado para criar aderência ao produto que virá. Com um lixa 100 é possível dar conta dessa tarefa até que fique com a aparência abaixo. Sem brilho, esse é o ponto. Pode ter manchas, mas importante é estar opaco.
 Depois da superfície lisa e limpa, passei com rolinho 3 demãos de esmalte a base de água da metalatex, na cor bianco sereno.
Peça revitalizada e prontinha para suavizar a aparência da cozinha.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

BAÚ - Interior novo e revitalização geral.

 
 
 Bau decupado há anos e já precisando de alguns 
"tapas" . Falei dele aqui inicialmente . Por fora alguns papéis descolaram, a madeira tá sem viço e seu interior merece um forro para ficar melhor vestido e impedir que bichos estranhos entrem no seu interior...A gente nunca permite mas eles arranjam um jeitinho de entrar.... 
 


 Ele tem rodinhas!!!Coloquei rodinhas nele, facilita muito na hora da movimentação.
 Aqui o diferencial. Coloquei forro de TNT. Já tinha esse material comprado para outra finalidade e não usei. Aqui deu certinho  a cor vinho do tema externo que são garrafas de vinho também.
 Bom, recolei todos os papeis soltos. Repreguei algumas junções que estavam frouxas. Repassei cera em pasta em toda madeira.

 A aparência mudou muito. A madeira ficou hidratada e todo ele bem bonitão, mais uns anos de vida prá ele!!







quinta-feira, 29 de outubro de 2015

ARMÁRIO DE ROUPAS EM PROVENÇAL




Abaixo o visual anterior do armário. Estava com uma pátina riscada em tom amarelo-ocre.


Fiz a limpeza da peça. Retirei o máximo da massa anterior e lixei bastante até conseguir uma superfície mais lisa. Gavetas manchadas; essas manchas de caneta são sempre difíceis de cobrir com tinta, elas sempre borram. Fiz uma selagem com goma laca incolor para frear a liberação da tinta.  Essa imagem da parte anterior trás aqueles selos antigos. Gosto demais de ver esses selos, numerosos, às vezes. São selos de controle fiscal, aliás estão voltando. Mas esses aí retirei-os todos para poder fazer uma boa pintura. É mesmo na parte trás, tudo é pintado. Sim, eu pinto!
Os puxadores foram substituídos por esses de metal com cara de antiguinhos e pincelei tinta dourada colorgin para atender a vontade da cliente. Aliás, acabou bem mais dourado que esse último modelo.

Abaixo alguns detalhes dos puxadores e do acabamento desgastado,   bem sutil. Vai para o quarto de uma bebê.





A peça toda pronta, bacaninha, renovada. Apliquei esmalte a base de água acetinado metalatex cor bianco sereno. Aquele sabe? um branco que não é branco? O branco sujinho, branco Paris como queiram. Cor muito usada para esses acabamentos vintage.